quarta-feira, 15 de outubro de 2008

EIA EIA ALALA!

Recuperada pelo poeta Gabrielle D'Annunzio, a expressão "EIA EIA ALALA" (ou "eja eja alalà") é um grito de guerra da Grécia Antiga, utilizado por Aquiles no âmbito das epopeias. A exclamação, em grego antigo ei̃a eia alalά, é uma composição da interjeição eia (sendo éia um equivalente de coragem), repetida duas vezes, e da onomatopeia alalά (alalà), intraduzível, com origem no verbo alalάzw (alalàzo, um grito de guerra).
Utilizado na campanha de Fiume, o grito foi depois adoptado pelos fascistas italianos.

2 comentários:

Mestre Louis Tainnebouy disse...

Ouçam essa canção: "MAS 96"

http://www.youtube.com/watch?v=QCtwfclTFI8


Eia Eia Alala, per l'onore!

Flávio Gonçalves disse...

Tem piada, ainda há pouco li um correio-e de um italiano que vai lançar um projecto Nacional-Anarquista nas Itálias e o Southgate realçou o passado anarca do Gabrielle D'Annunzio como boa referência.

"D'Annunzio, como muitos anarquistas italianos, voltou-se mais tarde para o fascismo - na verdade, o próprio mussolini ( o ex-socialista) seduziu o poeta para este caminho."

http://cida-dede-fiume.blogspot.com/2007/09/repblica-livre-de-fiume.html